É notório que no entroncamento do entorno da Estação Rodoferroviária há um gargalo da cidade e mais de 7 milhões¹ de passageiros movimentam-se pelo local por ano. Some-se a isso um grande fluxo de veículos, constantes congestionamentos e linhas de ônibus que precisam atravessar a cidade para chegar na região central para embarcar/desembarcar na Rodoferroviária. A proposta de Jonny Stica, portanto, tem o intuito de descentralizar estes deslocamentos, implementando novos terminais de transporte intermunicipal, interestadual e internacional, providos de infraestrutura viária e de transporte público para escoamento dos usuários.

¹ Fonte: URBS S/A.